GasNet - O Site do GNV  
Digite seu e-mail e cadastre-se
  
 
Em   
 
  -  Gás Natural Veicular
 
 

Tenha o GasNet no seu celular

Disponível para iPhone na AppStore

Disponível para Android na GooglePlay

 
 
International Oil & Gas Commercial Contracts Train ...
(20/10/2014 - 22/10/2014)
Tenter House, London
IFE (International Faculty of Energy)
The course is highly practical and interactive. It will develop the manager and senior professional ...

 
 
The 5 Day Oil & Gas Mini MBA Training Course
(20/10/2014 - 24/10/2014)
Wotton House, Surrey
IFE (International Faculty of Energy)
The aim of this course is to cover all of the main points of an MBA but in considerably less time, ...

 
 
Seminário Abraget - Perspectivas de Curto/Médio Pr ...
(22/10/2014 - 23/10/2014)
Windsor Atlântica Hotel, Rio de Janeiro
CTEE - Centro de Treinamento e Estudos em Energia

 
 
Atena Engenharia Leia as histórias do Netinho (nosso mascote) Acesse a nossa seção e saiba tudo sobre GNV Leia as histórias do Netinho (nosso mascote)
  GNV - Artigos
  Autor/Fonte: TN Petróleo
  Data: 10/02/2010

    CEG projeta aumento de 7% das vendas de GNV


 

 

Com o aumento do preço do álcool e a redução do gás natural veicular (GNV) nas bombas, a CEG prevê crescimento de 7% do volume de vendas de GNV em 2010. De novembro 2008 a novembro de 2009 a tarifa do gás natural veicular (GNV) no Rio de Janeiro caiu em 11,6%. Tendo em vista o aumento do preço do álcool já no ano passado e intensificado neste início do ano, período de entressafra da cana-de-açúcar, o número de conversões de veículos e o volume de venda de gás nos postos vem aumentando.

O numero de conversões para gás subiu de 2.300 por mês no primeiro semestre de 2009, para 5400 em novembro no Rio. Com isso a frota de carros movidos a gás no Estado subiu 7,8%, um total de 740 mil carros rodando com o GNV.

De olho neste mercado, a CEG planeja realizar duas campanhas de incentivo ao uso do GNV este ano. Em 2009, a CEG realizou duas campanhas, uma em julho e outra em outubro. A primeira buscou esclarecer o rendimento do GNV. A segunda falava sobre o desconto de 75% do IPVA.

A CEG decidiu investir nestas campanhas depois que realizou uma pesquisa que revelou que 34% dos usuários de GNV desconhecem o cálculo de rendimento em relação a outros combustíveis. Muitos motoristas estavam comparando o preço na bomba, sem avaliar o rendimento obtido com cada tipo de combustível.

Um carro faz 10km/l na gasolina, espera-se que ele faça uma média de 13km/m³ de gás. Já com relação a álcool, a proporção é ainda maior: um carro a gás roda praticamente o dobro do que roda um carro a álcool. Mostra-se evidente então que é vantagem converter carros flex para GNV.

Para ajudar o motorista a fazer essa conta, a Companhia desenvolveu um simulador que pode ser acessado no site www.usegnv.com.br. Lá o motorista pode calcular o rendimento, economia e também o tempo que levará  para recuperar o investimento realizado na instalação do kit.

Um motorista que roda 1200 km por mês, por exemplo, tem em média um gasto mensal de R$ 504 se usar gasolina, ou R$ 457 com o álcool, considerando a media de preços desses combustíveis na bomba. Se esse motorista investir R$2.179 na instalação do Kit GNV, o seu gasto com combustível cairá para R$ 126 no mês. Após a conversão, quem utilizar gasolina/GNV consegue recuperar em cerca de 6 meses o valor gasto com a instalação do kit. Quem optar pelo álcool/GNV recupera o investimento em cerca de sete meses. Isso, sem contabilizar o desconto de 75% concedido ao motorista de GNV.

Em todo pais já são mais de 1,608 milhão de veículos convertidos para GNV, dos quais 44% estão concentrados no Rio de Janeiro.

 

Fonte: TN Petróleo, janeiro/10

Compartilhe este texto com seus amigos:
 



 

Atena Engenharia
Banner Lilás

  CopyRight © GasNet - 2013